ESG e sustentabilidade.

ESG: uma iniciativa que atrai investidores

Você provavelmente já ouviu falar no termo ESG, certo? Entenda o que ele significa e como pode ajudar a sua empresa a atrair investidores e clientes!

Um investimento ESG (Environmental Social Governance, em inglês), ou ASG (Ambiental, Social e Governança, em português), leva em conta um conjunto de valores e critérios éticos com o objetivo de melhorar o seu relacionamento com o meio ambiente e a sociedade. Em suma, é um sinônimo para empresas sustentáveis e socialmente responsáveis.

Por conta dos danos visíveis causados ao nosso planeta, a sociedade tem dado cada vez mais importância à sustentabilidade. O tema ambiental não demorou para entrar no mundo dos negócios, e hoje não se trata mais apenas de boas práticas ou selos de qualidade, a adesão aos padrões ESG atrai cada vez mais a atenção de investidores.

É comprovado por pesquisas que investidores institucionais consideram alguns fatores não financeiros quando avaliam organizações candidatas a receber aportes. Entre as preocupações sem ligação direta ao lucro do investimento, entram critérios de governança ambiental, social e corporativa, mais conhecidos por ESG.

Com isso, as empresas estão se preocupando em melhorar suas condutas ambientais, sociais e governamentais, uma vez que sustentabilidade e lucro andam juntos atualmente. 

Os três fatores ESG

O critério ESG traz três principais pilares para a avaliação de uma empresa. Sendo eles:

  1. Ambiental (Environment) – analisa a responsabilidade da companhia com o meio ambiente e a sustentabilidade nas duas operações.
    Exemplos: redução da emissão de gases de efeito estufa, eficiência energética e gestão de resíduos.
  2. Social – avalia como a empresa gerencia o relacionamento com colaboradores, fornecedores, clientes e a sociedade como um todo.
    Exemplos: inclusão e diversidade, treinamentos, valores, privacidades de dados e direitos humanos.
  3. Governança – identifica como é o relacionamento entre sócios, conselho de administração e diretoria.
    Exemplos: independência de conselho, política de remuneração da alta administração, e ética e transparência.

Mais vantagens

Atitudes relacionadas à sustentabilidade também ajudam a compreender a dependência das empresas de recursos naturais, revelando ainda potenciais preocupações com os direitos humanos, seus funcionários e com a comunidade ao seu redor.

Ou seja, além de contribuírem com o meio ambiente, negócios sustentáveis também colaboram para o desenvolvimento social.

Benefício Clientes Linker

No Linker, incentivamos os empreendedores a olharem para a sustentabilidade como um pilar importante da sua empresa. Por isso, somos parceiros da eureciclo, uma empresa de tecnologia, que oferece o serviço de compensação ambiental de embalagens pós-consumo, atuando como uma certificadora.

Benefício para clientes Linker: 15% de desconto na contratação.

Ao aderir à solução da eureciclo, sua empresa pode compensar o impacto ambiental causado por suas embalagens, se adequando à legislação ambiental vigente, além de atrair possíveis investidores através da consciência ambiental e social. 


Gostou do conteúdo? Assine a newsletter do Blog do Linker e fique por dentro do mundo do empreendedorismo.

Ainda não tem uma conta PJ? No Linker, você faz o cadastro em minutos e conta com soluções pensadas para levar a sua empresa além! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin
Rolar para cima

Fique por dentro


Que tal receber no seu e-mail conteúdos que podem ajudar na gestão da sua empresa?

Preencha seu nome e e-mail: